you're reading...
Vancouver, Viagens

Educação e Cidadania – Existe alguém quem tenha!

Primeiramente quero agradecer aos comentários do último texto e gostaria de pedir um pouco mais de tempo em relação às fotos. Infelizmente ainda não tive tempo para sair além do centro da cidade para conhecer os demais lugares, mas certamente irei conhecer. Ainda estou em meu 4º dia aqui. Tenho algum tempo ainda… hehehe

E também perdoem os erros de português, pois o tempo é curto e na ânsia de escrever acaba saíndo coisa com erro de ortografia que nem o corretor do Word consegue pegar.

Nesses últimos dias recebi uma série de questionamentos relativos à cidade. Então vamos por parte que tentarei, aos poucos, abordar esses questionamentos, ou pelo menos o que eu me lembrar e der tempo, afinal, não estou aqui só para passear, estudar, etc. Dormir também faz parte do pacote. 😀

O Frio…

Pois é Paty, o frio … rs

Essa foi uma questão delicada e que foi abordada por todos os que ficaram sabendo antecipadamente dessa viagem. Pois bem. Esse tal frio que um bando de gente andou me falando para tomar cuidado, felizmente minhas roupas de frio estão dando conta do recado e até o momento esse frio não está incomodando. A temperatura nesses dias gira em torno de 1 grau aproximadamente e não varia muito, mesmo durante a noite. A sensação térmica é que varia um pouco, devido ao vento, mas como não venta muito por aqui nessa época, ando deixando o frio de lado e indo curtir minha viagem.

Mas para quem pensam em vir para cá passar uma temporada, fique tranqüilo, pois todos os locais fechados são aquecidos, inclusive dentro dos ônibus e metrô.

Por falar em ônibus. Chego ao ponto para pegar o ônibus para ir à escola. Primeiro dia. Parou, entrei e … onde foi parar a catraca? Aqui os ônibus não têm catraca. Existem urnas para validação dos tickets. Ao entrar no ônibus coloca-se o ticket na urna, que mais parece aqueles de estacionamento no Brasil, aguarda a validação e o pega de volta. Daí só curtir a viagem e uma tremenda lição de educação e cidadania que nosso sistema de transporte deveria receber aí no Brasil. O motorista mais parece passageiro, pois sempre quando entra um escuta-se um belo de um bom dia, de ambas as partes. Raros são os momentos em que não se ouve isso. Idoso e pessoas com dificuldade de locomoção ou com carrinho de criança, tem atenção especial. Parou o ônibus a suspensão abaixa até quase no nível do meio-fio e o passageiro entra. Detalhe, os ônibus não possuem degraus. E o motorista só anda quando vê que esse passageiro se encontra em segurança. A quantidade de pontos de parada também é espetacular, parece ter um a cada 200 metros. Perdeu uma parada, pode ficar tranqüilo que se descer na próxima não terá que andar muito, apenas alguns metros. Nada que seja traumático. E outra coisa me chamou muito a atenção da população. Ao que o motorista abre a porta para descerem, ouve-se também um sonoro “obrigado” e outro maior ainda “disponha”, vindo do motorista. As vezes penso que estou literalmente em outro mundo. Mas enfim, estou no planeta Terra e existe sim lugares onde haja respeito e cidadania. É claro que vejo algo que foge a isso, mas aqui, essas coisas são exceções e não a regra.

Quer sair de casa de bicicleta e pegar um ônibus para acabar de chegar ao destino? Também pode. Alguns ônibus são equipados com suporte para bicicletas na frente. Você avisa ao motorista, ele aguarda você colocar a bicicleta e entrar no ônibus e daí, boa viagem meu amigo. Legal não? Fico pensando isso aqui no Brasil. Além de ser capaz de passar por cima do sujeito ainda diz que estava atrapalhando o trânsito.

Trânsito. Esse é outro assunto interessante por aqui. Também existe respeito. Até hoje, poucas vezes vi um carro acessar a faixa destinada exclusivamente aos ônibus. Mas também acontece algo engraçado em relação a isso. Basta ver um carro impedindo a passagem de um ônibus, o cara enfia a mão literalmente na buzina e só solta quando o indivíduo do carro da frente se tocar e sair do lugar que não é dele. Mas foi apenas nessas horas que vi alguém usar a buzina por aqui. E o contrário, ônibus entrar em faixa que não é a dele, só ocorre quando existe um carro estacionado na rua. Isso pode ocorrer em um local que tenha vaga de estacionamento. Nesse caso o ônibus avança para a faixa comum e retorna imediatamente após passar o carro estacionado. Não existe o fato de querer levar vantagem no trânsito e competição entre carro e ônibus. E não vi engavetamento de ônibus e muito menos de carro. Quando um ônibus está cheio, o motorista pede, não manda, para os passageiros aguardarem o outro ônibus, pois aquele não cabe mais passageiro algum. Vocês podem estar imaginando que esse parece já uma lata de sardinha, não é mesmo? Errado, está cheio, o que é diferente de totalmente lotado saindo gente pelo ladrão. Nesse não discuta ou tente dar o jeitinho brasileiro, apenas aguarde o próximo, pois certamente estará mais vazio. A primeira vez que vi não acreditei, mas… Só vendo para acreditar.

Bem, acho que já escrevi muito além do que poderia, mas antes de encerrar, apenas mais um comentário em relação à sinalização de trânsito para motoristas e pedestres. Todas as ruas (pelo menos pelas que andei), do centro da cidade e no bairro onde estou morando, e que possuem semáforos, possuem tanto para carro quanto para o pedestre. Parece brincadeira, mas aqui não tem essa de ficar olhando para o semáforo específico do motorista para ver se ficou vermelho e poder atravessar a rua. Existe sempre um para o pedestre se orientar. E assim evita que pegue um semáforo de mais de uma fase e pregue uma peça no pedestre. Abriu o semáforo para você naquela rua, pode atravessar que a faixa é sua. Mas uma sugestão, é bom atravessar rápido, pois os tempos para se atravessar a rua é extremamente curto. Isso foi algo que a princípio achei ruim, mas pensando melhor estão certos. A rua não foi feita para fazer desfile andando de qualquer jeito. Objetividade. Atravessar é rápido. Quer passarela, ande na calçada. Deve ser por isso que ainda não vi engarrafamento por aqui. 🙂

Espero que tenham apreciado mais esse texto e reitero que quando as fotos saírem do forno eu as publicarei. Ninguém mais ansioso do que eu para tirá-las, não é não? 😀

Um grande abraço a todos!

Edwagney



A propósito, antes de irem embora, tenho um quiz para vocês.

Alguém seria capaz de deixar esse carro estacionado na rua totalmente aberto e no Brasil?

Não precisam me responder, mas adianto que esse aí ficou estacionado em frente à escola por pelo menos umas 4 horas. 🙂

Anúncios

Sobre Edwagney Luz

Consultor em Tecnologia da Informação. Especialista em Qualidade e Teste de Software. Empreendedor, Pesquisador, Professor e Palestrante. Sócio na Qualyx Educação e Tecnologia. Head em Qualidade e Teste de Software no UBS Brasil. Graduado em Ciência da Computação pela PUC Goiás. Pós-graduado em Engenharia de Software pela Unicamp, Gerenciamento de Sistema de Informação pela PUC Campinas. MBA em Gestão da Tecnologia da Informação pela FIA-USP. Assuntos de interesse: Administração e Negócios, Empreendedorismo, Liderança e Gestão de Pessoas, Planejamento Estratégico, Governança de TI, Auto-Conhecimento, Coaching.

Discussão

8 comentários sobre “Educação e Cidadania – Existe alguém quem tenha!

  1. Oi amigooooooooooo …
    Que legal esse seu blog!!!
    Parece que estou aí com vc … :):)
    Aproveite bastante sua viagem…
    E aprenda muito sobre os costumes daí… estou adorando aprender sobre eles tb. !!! :):):)
    CURTA BASTANTE….
    Ah !! Comecei o curso de gastronomia… TÔ AMANDO!!!!
    Beijim …

    Curtir

    Publicado por Gisele | fevereiro 21, 2008, 07:46
  2. Pronto!!! Ja consigo ver nos seus olhos, no tom da sua fala e nas expressoes da sua face… Nao tem jeito, assim como eu alguns anos atras, vc foi infectado!

    Agora nao adianta amigo. Depois que vc faz uma viagem destas vc muda completamente. O velho Ed que a gente conhecia ja era. Assim como eu vc, assim que voltar, so vai pensar numa coisa: a proxima experiencia igual a esta. E depois a proxima. E depois a proxima.

    Vc nunca devia ter saido daqui. Devia ter continuado na sua rotina de casa-trabalho-casa como todos outros nao-infectados. Agora é mais um que, assim como eu, descobriu que o mundo eh (bem) pequeno e vai querer sempre descobrir outros lugares, outras culturas, outros sabores, outras linguas.

    Seja bem vindo – VOCE FOI INFECTADO!

    Boanerges Jr.

    Curtir

    Publicado por Anonymous | fevereiro 21, 2008, 08:39
  3. Oi Edy,
    Fala a verdade…
    Esse carro ai é seu, não é? *rs
    Quanto as fotos, tire fotos do Centro, da sua casa, da sua escola. Queremos ver 🙂
    Beijão para vc.
    Adriane

    Curtir

    Publicado por Anonymous | fevereiro 21, 2008, 08:44
  4. Ed… muito legal…a viagem, o avião.. o sanduíche gay (com raiz.. fala sério), o senhor da foto (com um olhar estranho para vc.. toma cuidado), o onibus, o povo educado… mas vamos ao que interessa!!! Já pegou alguém ai???? Mulher de preferencia, é claro!!! Lembre-se .. somos seu amigo e vamos te apoiar em qualquer decisão.
    Não quero ouvir desculpas do tipo…. “Eu só fui conhecer novos lugares e estudar”
    O seu tempo está correndo…

    Grande abraço e curta bastante.

    Curtir

    Publicado por Anonymous | fevereiro 21, 2008, 10:13
  5. Detalhe… esqueci de colocar meu nome no ultimo comentário… mas vc já deve saber que é. Teu amigo Marco Aurélio

    Curtir

    Publicado por Anonymous | fevereiro 21, 2008, 10:14
  6. Ed, fico feliz que esteja gostando!
    Eu tinha a certeza de que você não iria se decepcionar!!!
    Aproveite tudo, eh?
    Imagine como seria viver aí. Depois me diga do quê você gostaria e do quê você não gostaria, como morador da cidade! Faça isso, porque quando fui da primeira vez, fui só como turista, gastei como turista, só fui a lugares de turista, comi como turista… fiquei deslumbrada. E quando fui de novo, enxerguei as coisas com outros olhos. Não me decepcionei com nada, é verdade, tudo é muito diferente da nossa realidade. Mas observei que quando a gente utilisa o olhar crítico, a gente entende mais da cultura, do povo, da organização da cidade. É um exercício legal. Vá treinando, eh?
    Um beijo grande e boas férias!
    Your future Canuck friend =o)

    Curtir

    Publicado por Dan | fevereiro 21, 2008, 17:37
  7. Edddddd…
    Estou adorando ler… parece que estou vivenciando tudo… muito real… continua escrevendo.
    Pra mim esta sendo otimo ler tudo isto, vou pode falar pros meus clientes rs
    Bjos
    Saudades
    Carol

    Curtir

    Publicado por Penelope | fevereiro 22, 2008, 22:19
  8. Grande Ed!! Eta lugarzinho bom hein?! Mas me conta uma coisa. Qual o papo que rola com os donos da casa? Vc acorda de manhã e fala bom dia, passou bem a noite, etc? Outra coisa, você já tem programação para os finais de semana? Falam que fazer rafting nas Montanhas Rochosas é bem quentinho..eheh.. abs e cuidado para não colar um chiclete em baixo da cadeira e acabar sendo preso… Pelo que vc disso o negócio ai é sério 🙂

    Curtir

    Publicado por Marcelo Minutti | fevereiro 22, 2008, 23:21

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Autor


Consultor em Tecnologia da Informação. Especialista em Qualidade e Teste de Software. Empreendedor, Pesquisador, Professor, Palestrante. Sócio na Qualyx Educação e Tecnologia. Head em Qualidade e Teste de Software no UBS Brasil. Graduado em Ciência da Computação pela PUC Goiás. Pós-graduado em Engenharia de Software pela Unicamp, Gerenciamento de Sistema de Informação pela PUC Campinas. MBA em Gestão da Tecnologia da Informação pela FIA-USP.

Assuntos de interesse: Administração e Negócios, Empreendedorismo, Liderança e Gestão de Pessoas, Planejamento Estratégico, Governança de TI, Auto-Conhecimento, Coaching.

Artigos

fevereiro 2008
S T Q Q S S D
« dez   mar »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829  

Twitter

Follow Edwagney Luz on WordPress.com
%d blogueiros gostam disto: